A vez do branco

case-white

O branco tem feito parte de várias coleções da moda, compondo looks desde o despojado ao sofisticado. Sair por aí predominantemente de branco passou a ser sinônimo também de elegância. Em 2010, Dolce & Gabanna dedicou um desfile inteiro de peças brancas ao aniversário de 25 anos da grife, como símbolo de equilíbrio e preparo para novos tempos. Para que o visual não fique monótono ou parecendo uniforme de consultório médico, misture texturas e volume, como renda, transparência e aplicações bordadas. Até dizem por aí que é uma cor ingrata e que engorda. Mas não passa de ilusão. Tudo depende da modelagem e corte do tecido. Sobreposições, linhas acinturadas e pregas podem favorecer em muitos casos.

 

Existem variações do tom, como off-white (um branco com toque de creme), marfim (um pouco mais amarelado), rum (mais rosado) e nude (com leve nuance bege). E apesar de ser uma cor “vai com tudo”, o legal desse visual Total White é manter o ar minimalista com acessórios metalizados. E no dia internacional da paz, dia 1º de janeiro, o branco como a cor que simboliza esse espírito se torna o grande favorito de uma nação que anseia por tempos de harmonia e união.


Produção e looks: T. Fontenelle Boutique
Fotografia: Ingrid Alves

OUTRAS SUGESTÕES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *