Amantes do japa food

ronin zushi - hot filadelfia

Peço licença aos navegantes, sou Fernanda Jacob, jornalista por profissão e gulosa por hobby. Hoje, a convite da excelentíssima amiga Aline Brum (que acompanho desde o primeiro post <3), falarei de um dos meus amores: comida japonesa.

Lembro que quando tinha uns dez anos, estava no Rio, na casa do amigo de um tio e o cardápio do jantar era – tchãrãn – japa food. Algo pouco atrativo para uma criança que esperava ansiosamente por uma rodada de pizza e sorvete para a sobremesa. Devo confessar que isso gerou um trauma.

Quando comida japonesa virou tendência na região, fui uma das primeiras a ‘torcer o nariz’. Mas como os amigos estavam na vibe ou eu me adaptava ou ficava com fome. O problema maior foi que no caminho entre a superação do trauma e a adaptação, vi-ci-ei!

Semana passada, fomos ao Click Sushi  Ronin Zushi, isso mesmo, o restaurante mudou de nome, mas a administração continua a mesma e a comida impecável. Se não conhecem, já antecipo que vale à pena. A iluminação baixa e a música ambiente dão ao local um clima muito agradável. Uma ótima notícia: às terças o precinho do rodízio comum é bem camarada, R$39,90.

Ronin Zushi - VRRonin Zushi InteriorRonin ZushiRonin Zushi Interior - 2Ronin Zushi - Fernanda e  Aline

Para abrir o apetite, pedi uma caipiroska de morango. De entrada um sunomono com kani e harumaki de camarão.

Ronin Zushi - EntradaRonin Zushi - PratosRonin Zushi - Sashimi FlambadoRonin Zushi - Culinária

Enquanto a Aline fotografava o restaurante, o Guilherme, namorado dela e meu parceiro de copo, pediu umas 50 peças de hot filadélfia. Engana-se quem acha que era pra ele… A menina é viciada! O gerente José Carlos, que já conhece a fama, trouxe para experimentarmos Ronin Zushi Roll, com a esperança de que ela desse uma variada, rs. Trata-se de um sushi com cream cheese, salmão e kani, envolvido na massa de harumaki, que é muito levinha. O prato é especialidade da casa e vale muito a pena pedir à la carte (ou optar pelo rodízio especial) #ficaadica. Eu amei! Aline curtiu, mas não largou o tal do hot.

Ronin Zushi Roll

Devo confessar que o hot filadélfia do Ronin é bem gostoso mesmo. A massa está sempre crocante e eles acrescentam molho teriyaki (muito amor) por cima. Para quem não gosta, é interessante lembrar de pedir para não adicionarem.

Ronin Zushi Hot

Como não sou uma cliente fiel a nenhum prato específico (ao contrário da Aline), pedi peças variadas e estava tudo delicioso. Vale a pena ressaltar que salmão fresquinho me ganha <3

Ronin Zushi - Sobremesa

Para finalizar, comemos, além do harumaki de chocolate (de lei!), o mi-su maki, que é um sushi frito empanado no sucrilhos, recheado com banana ou morango e nutella e ainda leva cobertura de chocolate. O arroz faz com que a peça não fique enjoativa e o sucrilhos dá à massa uma crocância muito interessante.  Experimentamos dos dois sabores, como tenho uma queda por morango, foi a opção que mais gostei.

Depois desse post, se você tá aí cheio de água na boca. O Ronin Zushi fica na Rua 44, n°17, na Vila Santa Cecilia, em Volta Redonda. O restaurante só não abre às segundas e funciona das 19h às 0h.

OUTRAS SUGESTÕES

16 comentários

  1. Amoooo o Ronin! Não tem jeito, meu namorado e eu sempre tentamos ir em outros, mas não conseguimos! Melhor japa com certeza!

  2. Eu não tinha ido lá nem quando era Click Sushi, mas vou lá pra conhecer. Gostei do post, o estabelecimento parece ótimo rs além de amar japa food hehe (e amei o preço)!

  3. Parabéns Fernanda! Pra comemorar, convoca a Aline e vamos para este rodízio terça que vem… Desejo! Rsrs <3

  4. Tudo parece muito bom, mas caipiroska de morango *u*…deu até vontade de beber uma agora haha. Parabéns pelo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *